ScadaBR embarcado


#1

Criei um supervisorio para um torrador industrial de Cafe. Ficou perfeito graças a ajuda aqui do forum.

Agora gostaria de dar umup no projeto gostaria que ele funcionace sem ter que estar ligado a um pc externo.

Gostaria de saber se é possivel fazer isso usando uma placa raspberry pi e um monitor?

Qual seria o melhor equipamento para isso? gostaria muito ainda que fosse possivel rodar o sistema em uma tela com touch screen...


#2

Claro que é possível,

Você só precisa adaptar sua interface para que seja acessível ao touch screen. O ScadaBR roda tranquilamente em um Raspberry PI, e qualquer outro PC embarcado que atenda aos requisitos Java e do ScadaBR.

Claro, estou afirmando isso sem ter testado com um Raspberry PI - mas com embarcados menos potentes. Porém, alguns conhecimentos avançados são necessário... não necessariamente de SCADA, mas do OS que se utilizará.

Att.


#3

Amigo,

vc está devendo esta demonstração. Deve ter ficado bem interessante. Faça um video pequeno para que possamos ver ele funcionando.

Eu vou instalar ele no raspberry pi.

Vamos ver o que vai dar.


#4

opa pode deixa que eu faço um videozinho essa semana mesmo...

Os kras levarão na feira e voltaram cheios de ideias de coisas pra melhorar o supervisorio... To trabalhando duro no bicho di novo...

kkkkk..... mais ta bom D+


#5

Amigos,

Por incrível que pareça estou trabalhando com o mesmo sistema. Minha intensão é rodar apenas o server do ScadaBR no RaspberryPi. Inclusive está fazendo parte de um trabalho acadêmico meu.

Até o final desta semana farei a instalação. Torço para que o valente processador do RaspberryPi não sofra "engasgos".

Quem conseguir primeiro reporta aqui, vamos colaborar mutuamente!

Abraços!


#6

Amigos,

Alguma novidade?

Abs,

Lucas


#7

Consegui "embarcar" o ScadaBR no Raspberry Pi. Só não postei nada aqui pois consegui isto recentemente (semana passada) após um trabalho danado.

O resultado não foi muito animador. O RBpi "engasga" demais quando a interface web é aberta, o processamento vai a 100% e as respostas são lentas. Até para inicar o Tomcat ele demora mais de 3 minutos. Isso tudo com um overclock para 1GHz.

Estou agora trabalhando numa forma de otimizar o sistema para ver se executa sem este gargalo de processamento.

Em muito breve trago novidades.

Abss!


#8

Oi pessoal,

Acredito que para melhorar o desempenho do RBpi, o kernel deve ser minimalista, com uma runtime java e sem opção de vídeo local.

uClinux é uma boa pedida. A idéia é utilizar outro PC/Tablet para acessar o supervisório via rede, assim, o RBpi não reinderiza nada, e sobra processamento e memória para o supervisório.

Abraços,


#9

Andredobry, embarquei o escada no rasp com raspbian virgenzão, nem precisei de overclock ele ta segurando legal por enquanto..

Ainda não explorei ao máximo a aplicação até porque estou começando a entender como funciona o Scada em sim, mas por enquanto o rasp tem dado conta do recado.

Aproveito o post pra saber se alguém tem alguma documentação sobre essa conexão do scada com os i/o do raspberry. Como falei, to iniciando com o software e por falta de documentação do indo na base da, famosa, tentativa e erro.

Caso tenham alguma tutorialzinho específico para o raspberry gostaria de ter acesso.

 

Valeu, abraço a todos !


#10

Eu consegui resolver a lentidão, o problema estava no Tomcat.

Minha meta para esse ano (faz parte de meu projeto) é melhorar ainda mais o desempenho e também fazer a comunicação com as portas I/O. Voltarei a mecher na próxima semana..

Abs!


#11

Andredobry,

como resolveu o problema do Tomcat? Quero dizer, o que era? incompatibilidade, versao, etc

Entao vc esta com o scadabr funcionando no raspberry sem engasgar? Engracado que no meu micro ele tambem engasga.

posta uma dica ai.


#12

Oi André,

Existem diversas maneiras de comunicar o ScadaBR através das IOs do Raspberry, assim como qualquer outra placa embarcada.

A mais sofisticada seria criar um protocolo para comunicação com as IOs disponíveis - dá uma olhada na wiki do projeto.

Ou você pode implementar em C, C++ ou python um serviço que verifique as IOs e escreva num arquivo ASCII. No ScadaBR é ler os arquivos com o Data Source ASCII File Reader. Mas por aqui você não vai poder escrever, então para alguns casos é interessante desenvolver o protocolo =]

O Tomcat tem algumas versões para embarcados, assim como o JRE. Dá uma fuçada e limpa tudo que você não for usar no Linux. Se puder, faz uma compilação própria do LFS, ou se tiver dificuldade usa uma versão magrinha (uCLinux, Angstrom,...)

Precisa perder algumas =] Boa Sorte ai


#13

Oi Diego,

Tchê, da minha parte a instalação e estabilidade do scada no rpi está vencida. Agora estou quebrando a cabeça é quanto ao acionamento dos i/os pelo scada. Fora do scada eu utilizo RPI.GPIO do python e funciona perfeitamente, mas não consigo configurar para funcionar através do scada. Você tem alguma documentação que possa me ajudar ?

Especificamente eu estou travado na criação do datasource não sei qual tipo de protocolo ele vai utilizar para se comunicar com os i/o.

 


#14

Legal!

Não existe um Data Source pronto para isso... pq não existe driver no ScadaBR pronto para comunicar utilizando a GPIO da RPI. Você pode desenvolver o seu data source conforme nossa wiki

https://sites.google.com/a/certi.org.br/certi_scadabr/desenvolvimento/protocolos/adicionar-protocolo-no-mango-howto

https://sites.google.com/a/certi.org.br/certi_scadabr/home/minicursos/scada

Ou, já que você está utilizando python, podes fazer um programa em python que atualiza os valores de um data source virtual via API. O mesmo programa em python pode ler do DS e escrever dados nas GPIO.

https://sites.google.com/a/certi.org.br/certi_scadabr/home/minicursos/scadabr

https://sites.google.com/a/certi.org.br/certi_scadabr/desenvolvimento/api-scadabr

https://sites.google.com/a/certi.org.br/certi_scadabr/desenvolvimento/api-scadabr/biblioteca-de-samples

Boa leitura =]


#15

Meu problema de desempenho foi sanado configurando bem o Tomcat6, e limpando todo o S.O de aplicativos desnecessários.

Nos próximos dias retornarei ao desenvolvimento. Além da comunicação Modbus RTU já implementada, vou buscar a interação com o GPIO.


#16

Então,

estou curioso para ver o desempenho do scadabr no raspberry pi. Estou estudando vários sistemas embarcados à procura de um que rode bem o scadabr. Assim vou me desligar dos micros comuns e usar o scadabr para monitorar minhas utilidades.

Algum video sobre isso?

E os sistemas que tem android 4.1. Tem como eu instalar o scadabr neles?


#17

Se a sua intensão é utilizar o ScadaBR + Raspberry para um processo industrial, ainda não recomendo por questões de estabilidade e confiabilidade.

Este ano me dedicarei a fundo ao projeto, vamos ver quais resultados obterei. Caso contrário minha pesquisa será redirecionada para outro sistema embarcado.

Sobre o Android, mesmo tendo o kernel Linux, não é possível instalar aplicativos que não sejam voltados para o Android, pelo menos eu desconheço uma forma de fazer funcionar.


#18

Andredobry,

então, estou também trabalhando com a ideia do raspberry mas estou com medo de comprar e perder dinheiro. Gostaria de pedir pra vc publicar suas impressões, talvez um video.

Se o raspberry não der conta vc vai partir para qual equipamento? Beagleboard? Ou será um micro comum mesmo?

 


#19

Farmsid, desculpe-me pela demora...

Creio que dentro de um mês poderei te responder sobre o desempenho, pois farei testes aprofundados. Por enquanto não recomendo para aplicações indústriais e comercias, use apenas para fins de experimentação ou hobby.

O que fiz ano passado, foi só uma pequena amostra, impossível de avaliar o desempenho do RaspBerryPI em uso real.

Este mês vou realizar testes de carga, confiabilidade, estabilidade, com inúmeros I/Os, testes de interferência e compatibilidade eletromagnéticas. Enfim, simularei um ambiente industrial completo para poder comprovar o desempenho do mesmo. Se não der certo, partirei pra outra solução.

 

 

 


#20

Andredobry,

eu vou ter que partir para um micro mesmo, pois estou precisando com urgência. Tenho uma aplicação para monitorar painel solar e condições ambientais. Vi que agora existe um computador com formato ITX, menor que o antigo ATX. Colocando um dualcore com 4 megas de ram acho que deve ser suficiente.

Mas não deixe de comentar sua ideia. Eu olhei o beaglebone mas está caro aqui. Então vai ter que ser um micro comum.

até